Em parceria com o ex-jogador Dante, Goiás anuncia projeto para disputa da Superliga A

Na parceria, o Goiás irá ceder a imagem e a estrutura e o Dante irá buscar os patrocínios para manter a equipe.

O time do Goiás Vôlei apresentou nesta quinta-feira (9) o projeto para a disputa da elite do vôlei nacional, a Superliga A. A equipe terá a direção do ex-jogador Dante, que em parceria com o Goiás Esporte Clube serão responsáveis por dirigir o primeiro time do Estado na principal liga de vôlei do país. A competição está prevista para iniciar no dia 23 de outurbro.

A entrada na Superliga A se deu após a desistência do time de Juiz de Fora. Com isso, o Anápolis Vôlei, time que era comandado por Dante, herdou a vaga. Em parceria com o Goiás Esporte Clube, o time anapolino se fundiu ao esmeraldino, dando início ao projeto do Goiás Vôlei.

“O Goiás é uma marca muito forte, muito sólida. A parceria começou com uma conversa com o presidente e nela o Goiás cederia o espaço físico e a imagem. Não tem recursos financeiros, nós é que vamos buscar através de parcerias. Os treinamentos serão na Serrinha. Os jogos deverão ocorrer no Goiânia Arena ou na Serrinha, vamos discutir com a Confederação ainda”, disse o diretor da equipe, Dante.

O ex-atleta e multicampeão, Dante, também fez questão de destacar quais os objetivos neste início de projeto, que ele planeja ser duradouro. O diretor sabe das dificuldades que a equipe terá na competição, mas a meta inicial é ao menos avançar para a fase de playoffs da competição, que contempla os 8 melhores times da primeira fase.

“Estamos montando uma equipe que vai dar muito trabalho para os grandes times. Temos de ir aos poucos. Claro que vislumbro o título, mas isso demanda tempo, uma construção sólida. Neste momento, vamos montar uma equipe de guerreiros que irão se doar ao máximo. Nosso foco é se classificar para os playoffs”, comentou.

Quem serão os jogadores do Goiás Vôlei?

Neste início, o Goiás Vôlei ainda não tem uma equipe completamente formada. De acordo com a direção, 8 atletas já começaram a pré-temporada. Entre os mais experientes estão o levantador Evandro, de 40 anos, e o central Vini Mendes, de 38 anos. De acordo com Dante, a intenção é mesclar com jovens atletas que chegarão e fazer um time consistente.

“Temos 8 jogadores que já começaram a pré-temporada. Um deles todos conhecem é o Vini, capitão, referencia, e outro é o Evandro, levantador, os dois vão trabalhar essa liderança com o grupo. O mercado está praticamente fechado, mas tem atletas interessantes que estamos conversando. O ideal é trabalharmos a juventude com a experiência. O Vini trabalha muito bem com a garotada. Os outros atletas que estamos conversando tem a idade de 20 até 25 anos”, comentou Dante.

Confira a lista de jogadores e comissão técnica

Levantadores: Evandro e Pedro William
Ponteiros: Raphael Marcarini e Erick Costa
Centrais: Vini Mendes, Eder Levi, Arthur Henrique e João Vitor
Líberos: Matheus Andrade e Lucas Batista

Técnico: Marcos Henrique Nascimento (Campeão da Super Liga B 2021 pelo JF Vôlei)
Assistente técnico: Hítalo Machado
Preparador físico: Gustavo de Conti
Fisioterapeutas: Arisson Ribeiro e Muryllo Almeida
Analista de desempenho: Jefferson Cunha
Supervisor: Ricardo Picinin (ex-técnico do Anápolis Vôlei)
Diretor: Dante Amaral